Nº5 – Covid cresce na periferia de Niterói

Somatório de casos confirmados nas zonas Norte, Leste e Pendotiba ultrapassa nesta terça (16) os números da região das Praias da Baía.

Passageiros chegando de viagens da China, EUA e Europa trouxeram a COVID para nosso país. Podemos dizer que a doença que começou nas áreas mais ricas da cidade, em especial, o bairro de Icaraí, está se multiplicando e crescendo em ritmo maior, especialmente, para as periferias. Nesta terça, 16 de junho, a totalização dos casos confirmados na Zona Norte (1.175 casos), Leste (109) e Pendotiba (511) alcançou 1795 registros de COVID, ultrapassando pela primeira vez os números de casos da região das Praias da Baía (1791 casos). O contingente populacional desses dois territórios é semelhante. A região das Praias da Baía engloba 21 bairros que vão da Ilha da Conceição até Jurujuba, contando com 216.823 habitantes segundo o último Censo Demográfico do IBGE (2010). As Zonas Norte, Leste e Pendotiba juntas totalizam 20 bairros com 214.860 habitantes. A Região Oceânica teve sua notificação multiplicada por 23 em dois meses. Em 15 de abril havia 21 casos e agora são 481 nos 11 bairros (68987 habitantes).

Niterói também atingiu a triste marca de 168 óbitos, voltando a subir para 3 mortes nas últimas 24 horas. O número de hospitalizados segue no patamar preocupante superior a 120 leitos ocupados. Nesta terça, 123 pessoas seguiam hospitalizadas na rede de saúde de Niterói. No Brasil, ultrapassamos a marca assustadora de 45 mil mortes, sendo 1.338 nas últimas 24 horas (levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde).

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close