Mandato presente em São Gonçalo

Nosso mandato está presente atuando em diversas regiões do estado do Rio de Janeiro, e em São Gonçalo estamos cotidianamente atuando, ouvindo as pessoas e atuando diretamente nas demandas da cidade.

BARCAS em São Gonçalo JÁ!

O deslocamento casa x trabalho é um grande problema para milhares de pessoas em São Gonçalo. Apesar do acesso à Baía de Guanabara, a cidade segue sem um terminal de barcas, que ajudaria muito a diminuir o trânsito e facilitaria a vida de milhares de pessoas que precisam atravessar a Baía. Uma das nossas principais defesas é a implementação do terminal aquaviário de São Gonçalo. No ano de 2023 será realizada uma nova concessão para as Barcas e, seja na Câmara Federal com Talíria, seja na presidência da Frente Parlamentar de Defesa do Transporte Aquaviário da ALERJ, com Flavio, faremos tudo que estiver ao nosso alcance para que o povo gonçalense tenha seus direitos garantidos.

Vidas Negras Importam!

A execução em massa nas periferias, como as chacinas do Jacarezinho e Salgueiro, vem nos mostrar o quanto é necessária a mudança na segurança pública estadual. Não é nada fácil perder crianças, jovens, adolescentes e homens pretos e pobres todos os dias. As mulheres, sejam elas mães, esposas, filhas ou irmãs, são as que mais sofrem.

Quase metade dos lares brasileiros são chefiados por mulheres, em sua maioria negras. É com esse sentimento de luta política que queremos socializar algumas de nossas emendas conjuntas com a deputada federal Talíria Petrone destinadas à população negra e ao enfrentamento ao racismo e à lgbtfobia voltadas para São Gonçalo e região!

• Estruturação de Projeto de Extensão via UERJ/ FFP para formação e geração de renda das mulheres negras de São Gonçalo/ RJ: R$200.000,00.

• Ampliação de prédios e aquisição de equipamentos de informática para a UERJ/FFP São Gonçalo/RJ: R$1.500.000,00.

• Estruturação do Centro de Referência LGBTI de São Gonçalo/RJ: R$200.000,00. • Ações de educação e pesquisa à promoção da salvaguarda do Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil – Jongo do Sudeste/RJ: R$200.000,00.

• Estruturação do Projeto de mapeamento social, cultural e de emprego e renda das mulheres lésbicas e bissexuais de favelas de Niterói e São Gonçalo: R$ 250.000,00

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close