Comissão de Educação

“Seria uma atitude ingênua esperar que as classes dominantes desenvolvessem uma forma de educação que proporcionasse às classes dominadas perceber as injustiças sociais de maneira crítica”

— Paulo Freire

Em março deste ano, o mandato Flavio Serafini assumiu a presidência da Comissão de Educação da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Desde então, procuramos imprimir uma agenda de audiências públicas que seja expressão dos principais desafios da educação no Estado e que reflita a disposição em articular demandas e reflexões de organizações da sociedade civil, das Associações Acadêmicas, dos Conselhos e Órgãos do Estado, dos Sindicatos, dos Grêmios e Organizações Estudantis.

Em paralelo, através da iniciativa “Comissão Itinerante”, levamos a Comissão de Educação para espaços dialógicos em todas as regiões do Rio de Janeiro, um exercício de aproximação do legislativo fluminense e o cidadão/cidadã. Realizamos a primeira em Campos dos Goytacazes em junho, a próxima será em Cabo Frio, na Região dos Lagos, no mês de setembro.

Até o momento realizamos 12 audiências públicas que debateram temos importantes como a crise de vagas na rede pública estadual de ensino, os desafios da educação inclusiva, a situação financeira das universidades estaduais, a implementação do Passe-Livre para os estudantes dos cursos técnicos subseqüentes, concomitantes e dos estudantes universitários, a Alimentação Escolar dentre outros assuntos.

2 comentários em “Comissão de Educação

  1. Solicito ao Senhor Deputado que investigue o absurdo cometido pelo Secretario de Educação, Sr Comte Bittencourt, que firmou uma parceria para formação de pessoal para o ensino híbrido repetindo o trabalho feito pela equipe de formadores da SEEDUC desde abril do ano passado. Esclareça por favor se tal parceria gera custo, conforme informado por alguns depoimentos em redes sociais. É inaceitável, tendo profissionais gabaritados para a ação, realizar com agentes externos.

    Curtir

  2. VICTOR CAMARGO GOMES DIAS 19 de janeiro de 2021 — 12:09

    Eu queria saber se a oposição política ao governo estadual tem se articulado a favor da Uezo, a universidade estadual de campo grande que é amplamente sucateada já faz alguns anos. Nós não possuímos um campus próprio e embora eu saiba que essa função é do governador. Eu tenho acompanhado o descaso público com a nossa região já faz um certo tempo. Não faço parte de nenhum coletivo e não sou nenhum filiado político eu gostaria apenas de saber informações sobre os acontecimentos que tem acontecido nas reunições da Alerj com a temática das universidades estaduais.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close